PSOL vai à Justiça contra tarifa zero do Brasil ao etanol dos EUA

O deputado Ivan Valente (PSOL-SP) pediu que a Justiça Federal de São Paulo derrube a decisão do governo Bolsonaro de renovar a tarifa zero para importar etanol dos EUA por mais três meses.

No último dia 11, a Câmara de Comércio Exterior (Camex) aprovou uma cota de isenção tarifária para a importação de 187,5 milhões de litros de etanol dos Estados Unidos para os próximos meses.

LEIA TAMBÉM
Haddad sobre o discurso de Bolsonaro na ONU: ‘fezes’ e ‘lixo’

Orlando Silva pede 5 anos de prisão para quem disseminar fake news. Coitado do Bolsonaro, coitada da Globo

Na avaliação de Ivan Valente, o acordo do etanol é estratégico para a reeleição de Donald Trump nos EUA. Ele lembra que no mês passado, o candidato republicano ameaçou retaliar o Brasil se o país retomasse a taxação.

O deputado do PSOL obteve, por meio da Lei de Acesso à Informação, documentos que mostram que técnicos do Ministério da Agricultura e do Ministério da Economia desaconselharam a medida.

“A resposta encaminhada pelo Ministério da Economia mostra que o governo federal sequer avaliou a estimativa de impacto da medida nos cofres públicos antes de conceder o benefício que contemplou produtores de uma das nações mais ricas do planeta. Isso num momento em que as contas públicas estão em frangalhos e o governo federal luta no Congresso Nacional para restringir os benefícios da população mais pobre, como o pagamento do Auxílio Emergencial, sob a alegação da falta de recursos”, argumenta Ivan Valente na ação.

“A ausência de interesse público na aprovação da referida cota evidencia o uso da estrutura do governo federal para influenciar nos resultados das eleições norte-americanas”, conclui.

Com informações do PSOL

Compartilhe agora