PF cumpre 25 mandados de busca e apreensão na 74ª fase da Operação Lava Jato

A Polícia Federal (PF) cumpre na manhã desta quinta-feira (9) mandados de busca e apreensão contra executivos do Banco Paulista e da Pretrobras na 74ª fase da Operação Lava Jato.

A operação, batizada de “Sovrapprezzo”, investiga supostas fraudes em operações de câmbio comercial contratadas pela Petrobras com o Banco Paulista entre 2008 e 2011.

LEIA TAMBÉM
Fux toma posse nesta quinta-feira como presidente do STF

Bolsonaro diz que perdoa quem fez isolamento social para salvar vidas

“Se o arroz está caro, comam macarrão!”, dizem a Bolsonaro donos de supermercados

Segundo a PF, “o esquema consistiria em sobretaxar as operações acima dos valores de mercado para inflar o spread (lucro) do banco, mediante possível pagamento de propina para operadores da empresa pública a ser dividida com empregados da instituição financeira, paga em troca do direcionamento dos negócios cambiais para o referido banco. Estima-se que o prejuízo para os cofres públicos pode chegar a mais de 18 milhões de dólares”.

Ao todo, estão sendo cumpridos 25 mandados busca e apreensão nos estados de São Paulo e Rio de Janeiro. Entre os alvos das buscas está a sede da Petrobras na capital fluminense. As ordens judiciais foram expedidas pelo juiz Luiz Antônio Bonat, da 13ª Vara Federal de Curitiba.