Paulo Guedes foi massacrado pela pesquisa Ibope; entenda por quê

O ministro Paulo Guedes foi o principal derrotado pelos números do Ibope divulgados nesta quinta-feira (24).

Numa análise mais profunda, percebe-se a reprovação da “Pauta Guedes” defendida com unhas e dentes pela velha mídia e pelo presidente Jair Bolsonaro.

Os números do Ibope não deixam dúvida de que Guedes é odiado pelo povo. O ministro da Economia foi massacrado pela pesquisa.

Senão vejamos:

Combate ao desemprego

  • Aprova: 37%;
  • Reprova: 60%;
  • Não sabe/não respondeu: 3%

Combate à fome e à pobreza

  • Aprova: 48%;
  • Reprova: 49%;
  • Não sabe/não respondeu: 3%

Meio ambiente

  • Aprova: 37%;
  • Reprova: 57%;
  • Não sabe/não respondeu: 6%.

Saúde

  • Aprova: 43%;
  • Reprova: 55%;
  • Não sabe/não respondeu: 2%.

Educação

  • Aprova: 44%;
  • Reprova: 52%;
  • Não sabe/não respondeu: 3%

Combate à inflação

  • Aprova: 38%;
  • Reprova: 56%;
  • Não sabe/não respondeu: 6%

Taxa de juros

  • Aprova: 30%;
  • Reprova: 64%;
  • Não sabe/não respondeu: 7%

Impostos

  • Aprova: 28%;
  • Reprova: 67%;
  • Não sabe/não respondeu: 5%.

O leitor pode observar que as pautas afins ao Ministério da Economia –impostos, taxa de juros, combate à inflação, Combate à fome e à pobreza e Combate ao desemprego –, todas elas, sofreram um tremendo massacre na opinião pública. As demais áreas também, indiretamente, dependem dos recursos negados por Guedes.

O povo não é bobo. Ou, como diziam os romanos, “Vox Populi, Vox Dei” (A voz do povo é a voz de Deus).

James Carville, ex-assessor do ex-presidente dos EUA Bill Clinton, traduziria essa pesquisa do Ibope da seguinte forma: ‘É a economia, estúpido!’

Enquanto isso, a oposição brasileira se distrai com os arroubos identitários provocado pelo governo de Jair Bolsonaro. Com o apoio da velha mídia à agenda econômica, o presidente até experimenta aumento na popularidade –segundo o Ibope.

Artigo de Roberto Requião: “Teria o PT se transformado no Partidão?”

Ibope: Bolsonaro tem 40% de aprovação; 29% de reprovação

Senador Fabiano Contarato denuncia ministro Milton Ribeiro ao STF por homofobia

Veja os números negativos de Bolsonaro no Ibope que o Jornal Nacional não vai mostrar

Bolsonaro é eleito ‘O Mentiroso do Ano de 2020’ pelo Blog do Esmael

Presidente Jair Bolsonaro foi eleito ‘O Mentiroso do Ano de 2020’ e vai levar o prêmio ‘Pinóquio de Ouro’ instituído pelo Blog do Esmael.

O presidente Jair Bolsonaro venceu o prêmio ‘O Mentiroso do Ano de 2020’. Ele vai ganhar o troféu Pinóquio de Ouro, após se destacar dentre vários adversários de peso.

A estatueta será entregue pelo Blog do Esmael ao presidente da República no mês de dezembro. A data ainda não foi confirmada pelo Palácio do Planalto.

Bolsonaro desiquilibrou a disputa pelo título de ‘O Mentiroso do Ano de 2020’ com o discurso na abertura da 75ª Assembleia Geral da ONU, na última terça-feira (22).

As redes sociais confirmaram o favoritismo do presidente marcando as hashtags #BolsonaroMentiuNaONU, #BolsonaroMentiroso, #BolsonaroMente, #BolsonaroMentiu.

O troféu Pinóquio de Ouro é um prêmio criado pelo Blog do Esmael destinado às personalidades públicas que se destacam nas mentiras, ou seja, que não ficam nem coradas por faltarem com a verdade.

Neste ano, o grande vencedor de ‘O Mentiroso do Ano de 2020’ foi Jair Bolsonaro. Parabéns, presidente!

Compartilhe agora