Eduardo Paes dispara no Rio de Janeiro, segundo a Paraná Pesquisas

O ex-prefeito do Rio de Janeiro, Eduardo Paes (DEM), disparou nas intenções de voto para as eleições de 15 de novembro próximo. A informação é da Paraná Pequisas, que aponta o candidato na liderança com 25,1%.

O prefeito Marcelo Crivella (Republicanos), que tenta a reeleição, está sendo alvo de intenso “tiroteio” cujos disparos saem da TV Globo no Rio. Mesmo assim, Crivella continua na segunda posição com 11,8%.

Embora Eduardo Paes tenha a simpatia de sua antiga empregadora, a Globo, a emissora dos Marinho também se contentariam com a eleição da Delegada Martha Rocha (PDT), que está no terceiro lugar com 11,8%, em empate técnico com Crivella dentro da margem de erro da pesquisa.

A candidata do PT, Benedita da Silva, segundo a Paraná Pesquisas, vem logo em seguida com 7,3% das intenções de voto. A petista está no pelotão de frente na disputa pela Prefeitura do Rio, portanto.

Veja a íntegra da pesquisa sobre a disputa pela Prefeitura do Rio:

Pesquisa estimulada

  • Não sabe 6,4%
  • Nenhum 21,6%
  • Eduardo Paes 25,1%
  • Crivella 13,6%
  • Delegada Martha Rocha 11,8%
  • Benedita da Silva 7,3%
  • Bandeira de Mello 3,6%
  • Clarissa Garotinho 2,2%
  • Luiz Lima 1,9%
  • Renata Souza 1,6%
  • Cyro Garcia 1,0%
  • Cristiane Brasil 0,9%
  • Paulo Messina 0,9%
  • Fred Luz 0,8%
  • Glória Heloiza Lima 0,7%
  • Suêd Haidar 0,7%
  • Henrique Simonard 0,1%

Pesquisa espontânea

  • Não sabe 62,1%
  • Ninguém 15,8%
  • Eduardo Paes 8,1%
  • Crivella 5,7%
  • Delegada Martha Rocha 2,5%
  • Benedita da Silva 1,5%
  • Bandeira de Mello 1,0%
  • Marcelo Freixo 1,0%
  • Renata Souza 0,7%
  • Fred Luz 0,3%
  • Luiz Lima 0,2%
  • Outros nomes citados 1,0%

A Paraná Pesquisas entrevistou 910 eleitores na cidade do Rio de Janeiro entre os dias 20 e 24 de setembro de 2020. A margem de erro é de 3,5% para mais ou para menos. A sondagem está registrada no Tribunal Superior Eleitoral sob o nº RJ-08624/2020 para o cargo de Prefeito.

Veja os números negativos de Bolsonaro no Ibope que o Jornal Nacional não vai mostrar

O Jornal Nacional, da Globo, e o presidente Jair Bolsonaro tem tudo a ver. Eles não se suportam, mas não se largam.

Segundo pesquisa do Ibope, divulgada nesta quinta-feira (24), o governo Bolsonaro é reprovado naquilo que deveria ser o seu objetivo prestacional: saúde, educação, emprego, meio ambiente, impostos, juros, fome e pobreza, inflação.

Apesar de os Marinho, donos da emissora de TV, serem críticos à agenda de costume do bolsonarismo, eles concordam com a pauta econômica do governo. Por isso que a Globo não mostra a íntegra da pesquisa negativa ao inquilino do Palácio do Planalto.

Por isso, logo mais, às 20h30, não espere esses números do Ibope:

Combate ao desemprego

  • Aprova: 37%;
  • Reprova: 60%;
  • Não sabe/não respondeu: 3%

Combate à fome e à pobreza

  • Aprova: 48%;
  • Reprova: 49%;
  • Não sabe/não respondeu: 3%

Meio ambiente

  • Aprova: 37%;
  • Reprova: 57%;
  • Não sabe/não respondeu: 6%.

Saúde

  • Aprova: 43%;
  • Reprova: 55%;
  • Não sabe/não respondeu: 2%.

Educação

  • Aprova: 44%;
  • Reprova: 52%;
  • Não sabe/não respondeu: 3%

Combate à inflação

  • Aprova: 38%;
  • Reprova: 56%;
  • Não sabe/não respondeu: 6%

Taxa de juros

  • Aprova: 30%;
  • Reprova: 64%;
  • Não sabe/não respondeu: 7%

Impostos

  • Aprova: 28%;
  • Reprova: 67%;
  • Não sabe/não respondeu: 5%
Compartilhe agora