Auxílio Emergencial: Caixa diz que pagou benefício para 67,2 milhões de brasileiros

A Caixa jacta-se pelo pagamento de mais de R$ 200 bilhões do auxílio emergencial para 67,2 milhões de brasileiros. O banco também se arvora como o agente financeiro da maior ação de pagamentos sociais da história do país. Deve ser verdade.

Mas o que chama a atenção é quantidade de benefícios pagos: 67,2 milhões. A princípio, não há nada de errado com a quantidade de beneficiários. O governo seria mais efetivo se pagasse o auxílio emergencial de forma universalizada, qual seja, para todos os brasileiros.

Dentro da margem de erro, esses 67,2 milhões brasileiros são os que não têm emprego. Foram jogados da pobreza para a miséria absoluta durante o governo de Jair Bolsonaro e do ministro Paulo Guedes, o homem dos bancos.

O Brasil tem cerca de 80 milhões de desempregados, metade da população economicamente ativa (PEA), se somados nessa categoria os informalizados, pejotizados, uberizados, desalentados, intermitentes, etc. É a maior taxa de desocupados do planeta, segundo a OIT (Organização Internacional do Trabalho).

Pois bem, votemos aos pagamentos emergenciais da Caixa.

Nesta sexta-feira (18), informa a Caixa, foi superado o volume de R$ 200 bilhões em pagamentos do Auxílio Emergencial para 67,2 milhões de brasileiros, num total de 288,3 milhões de pagamentos.

A maior ação de pagamento social da história do país atinge a marca histórica no dia em que inicia o crédito de R$ 2,6 bilhões do Auxílio para 4 milhões de beneficiários nascidos em julho, conforme o calendário do Ciclo 2, e a disponibilização de R$ 429,5 milhões referente à primeira parcela do Auxílio Emergencial Extensão para 1,6 milhão de beneficiários do Bolsa Família com final de NIS número 2.

Os ciclos de crédito em conta e saques em espécie seguem até dezembro para o pagamento das cinco parcelas definidas pelo Governo Federal para o público do CadÚnico e para quem se cadastrou pelo App CAIXA | Auxílio Emergencial ou pelo site auxilio.caixa.gov.br.

Pagamento também no sábado

A Caixa abrirá 770 agências neste sábado (19/09), das 8h às 12h, para atendimento a 9 milhões de beneficiários do Auxílio Emergencial e do Saque Emergencial do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS). Os beneficiários nascidos em janeiro – 3,9 milhões de pessoas – poderão sacar o Auxílio Emergencial em dinheiro e os trabalhadores nascidos em maio – 5,1 milhões de pessoas – poderão retirar em espécie os valores referentes ao Saque Emergencial do FGTS. Ao todo, os benefícios somam R$ 5,8 bilhões.

A relação de agências que estarão abertas pode ser conferida no site do banco: www.caixa.gov.br/agenciasabado.

Todas as pessoas que procurarem atendimento durante o funcionamento das agências serão atendidas. Não é preciso chegar antes do horário de abertura.

Atendimento ao cidadão

A Caixa já processou 109,1 milhões de cadastros para o Auxílio Emergencial. Foram 1,7 bilhão de visitas ao site criado para o programa; mais de 119 milhões de downloads do App Auxílio Emergencial; mais de 502 milhões de ligações para central telefônica 111 e mais de 234 milhões de downloads do aplicativo Caixa Tem.

O banco publica as atualizações diárias de números referentes ao pagamento do Auxílio Emergencial no link: https://caixanoticias.caixa.gov.br/.

Compartilhe agora