Paraná vai fabricar e distribuir vacina russa contra Covid-19

O governo do Paraná anunciou que vai assinar um convênio com a Rússia para fabricação da vacina “Sputnik V” contra a Covid-19.

O acordo, que permitirá ao Estado do Paraná realizar testes, produzir e distribuir a vacina russa, será assinado pelo governador Ratinho Júnior (PSD) e o embaixador da Rússia no Brasil, Sergey Akopov, às 14h de quarta-feira (12), segundo o portal de notícias G1.

LEIA TAMBÉM
Covid-19: Brasil tem 3,05 milhões de casos e 101,7 mil mortes

Câmara pode votar hoje ajuda a empresas de ônibus em razão da pandemia

Bolsonaro compartilha ‘jornalismo chapa branca’ da TV Bandeirantes; assista

O Instituto de Tecnologia do Paraná (Tecpar) será responsável por todas as etapas, desde a pesquisa até a distribuição das doses da vacina.

Ainda conforme o governo, o passo seguinte à assinatura do acordo é o compartilhamento do protocolo russo com a Anvisa, para que a agência brasileira libere a realização dos procedimentos.

Vacina russa
Nesta terça-feira (11), o presidente russo Vladimir Putin, noticiou o registro da primeira vacina do mundo contra a COVID-19.