Ministério da Economia anuncia substitutos de secretários que debandaram do governo

O Ministério da Economia anunciou na noite desta quinta-feira (13) os substitutos de Salim Mattar e Paulo Uebel, secretários especiais que debandaram do governo Bolsonaro na terça-feira (11).

O engenheiro Diogo Mac Cord foi indicado como novo secretário Especial de Desestatização, Desinvestimento e Mercados, vaga que era de Salim Mattar. Mac Cord comandava a área de Desenvolvimento da Infraestrutura do Ministério da Economia.

Já a Secretaria Especial de Desburocratização, Gestão e Governo Digital, antes chefiada por Paulo Uebel, passará a ser comandada por Caio Andrade, atual diretor-presidente do Serviço Federal de Processamento de Dados (Serpro).

LEIA TAMBÉM
Você não vai acreditar na aprovação de Bolsonaro na pesquisa Datafolha; confira

Bolsonaro só mantém a aprovação nas pesquisas se ‘furar o teto’ de gastos

[Vídeo] JN mostra lavagem de dinheiro em loja de Flávio Bolsonaro

O pedido de demissão de Paulo Uebel e Salim Mattar, na terça, foi classificado pelo próprio ministro da Economia, Paulo Guedes, como uma “debandada”. Segundo o ministro, os secretários estavam insatisfeitos com o andamento das privatizações e da reforma administrativa.

“Se me perguntarem se houve uma debandada hoje, houve”, declarou Guedes na ocasião. “Nossa reação à debandada que ocorreu hoje vai ser avançar com as reformas”, completou.