Ministro Braga Neto autorizou a indicação da própria filha para a ANS

Publicado em 20 julho, 2020

O ministro-chefe da Casa Civil, general Walter Braga Netto, autorizou a Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) a contratar sua própria filha, Isabela Oassé de Moraes Ancora Braga Netto, para uma vaga de gerente da Agência.

Se efetivada a contratação, ela vai receber o salário de R$ 13.074 por mês. O cargo é de livre nomeação, sem concurso público.

.

As nomeações para altos cargos do Governo Federal são analisadas pela Casa Civil. Mas a filha do ministro passar por essa análise e ser aprovada é imoral, se não for ilegal.

A ANS tem sede no Rio de Janeiro e regula o mercado de planos de saúde. Isabela deve ocupar o cargo de Gustavo de Barros Macieira, servidor de carreira da agência e especialista em direito do Estado e da regulação pela Fundação Getúlio Vargas (FGV).

Isso tudo é porque a mamata iria acabar com Jair Bolsonaro na Presidência.

.

O escritor Marcelo Rubens Paiva comentou pelo Twitter: “Filha de general é a profissão mais rentável desde o século passado.”

Com informações do Estadão. 

LEIA TAMBÉM