Esquerda: Lula envia mensagem pelos 30 anos do Foro de São Paulo

Em carta enviada ao Foro de São Paulo por ocasião da comemoração dos 30 anos de fundação da organização política latino-americana, o ex-presidente Lula lembrou o cenário politico da América Latina trinta anos atrás e as mudanças ocorridas nessas últimas três décadas.

O ex-presidente lembrou da importante participação do já falecido Marco Aurélio Garcia na construção do Foro. “O sucesso do Foro de São Paulo deve-se à dedicação de muitas companheiras e companheiros, mas gostaria de prestar uma homenagem especial ao companheiro Marco Aurélio Garcia que, não está mais entre nós. MAG foi um importante formulador político da esquerda latino-americana, além de ter sido secretário de relações internacionais do PT e Secretário Executivo do Foro, função que conduziu com muita competência e dinamismo”, escreveu.

No documento, Lula também faz um alerta sobre o crescimento da extrema direita, a ameaça da pandemia do Corona Vírus e a radicalização dos ajustes neoliberais da economia e das políticas sociais no continente.

Leia a íntegra da carta:

Queridas companheiras e queridos companheiros.

Trinta anos atrás, a América Latina estava dando os últimos passos para sair das ditaduras militares que oprimiram nossos países por décadas ao mesmo tempo em que assistíamos a uma grande transformação do sistema mundial. Por um lado, o fim do socialismo real na União Soviética e no Leste Europeu e por outro a ascensão de uma nova doutrina econômica de acumulação de capital, o neoliberalismo.

Vínhamos também de alguns reveses políticos como nas eleições presidenciais na Nicarágua e no Brasil. Neste último, apesar do bom resultado alcançado pelo Partido dos Trabalhadores, o vitorioso foi um defensor do neoliberalismo.

Numa conversa que tive com Fidel na época, coincidimos que seria importante analisar esta nova conjuntura e seus impactos para a América Latina e o Caribe e decidimos que o PT poderia convocar um encontro de partidos e de movimentos políticos de nossa região para discutir este tema e as iniciativas que deveríamos adotar. Para nós, foi muito oportuno, pois o PT acabara de sair de seu 7° Encontro Nacional onde formulou sua posição sobre o modelo de socialismo que defenderíamose que seria radicalmente democrático, pois do contrário não seria socialista.

LEIA TAMBÉM:

Doria relaxa quarentena em São Paulo; Curitiba também se prepara para afrouxar geral na semana que vem

Vingança do pipoqueiro: Bolsonaristas comemoram prisões de membros do MBL

Maia quer ‘passar a boiada’ dos empresários na Câmara, enquanto os trabalhadores se ferram com redução de salário

Porém, não imaginávamos inicialmente que esse encontro de partidos e movimentos chegasse onde chegou, tornando-se um foro permanente e até uma referência para partidos de esquerda e progressista de todo o mundo, além de sua contribuição para promover mudanças de governos e políticas no continente a partir de 1998.

O sucesso do Foro de São Paulo deve-se à dedicação de muitas companheiras e companheiros, mas gostaria de prestar uma homenagem especial ao companheiro Marco Aurélio Garcia que, não está mais entre nós. MAG foi um importante formulador político da esquerda latino-americana, além de ter sido secretário de relações internacionais do PT e Secretário Executivo do Foro, função que conduziu com muita competência e dinamismo.

Após trinta anos de existência, o Foro enfrenta novos desafios diante do crescimento da extrema direita no continente, da pandemia do Corona Vírus e do abandono em que nosso povo se encontra devido à radicalização dos ajustes neoliberais da economia e das políticas sociais. Mais do que nunca é o momento de defendermos e recuperarmos a democracia em nossos países, bem como reivindicar o papel do Estado na defesa das pessoas e não do mercado como está ocorrendo. Este debate estratégico cabe ao Foro de São Paulo implementar com muito empenho.

Companheiras e companheiros, parabéns pelo trigésimo aniversário e viva o Foro de São Paulo e seus membros.

Luiz Inácio Lula da Silva

*Da Agência PT