Randolfe_Rodrigues

Senador Randolfe Rodrigues pede prisão e afastamento de Weintraub

O senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP) encaminhou ao Supremo Tribunal Federal (STF) um pedido de prisão temporária ou preventiva do ministro da Educação, Abraham Weintraub. Segundo informação da colunista Mônica Bergamo.

O parlamentar também solicita o afastamento imediato de Weintraub do comando da pasta, além da realização de busca e apreensão de celulares e computadores dele.

A ação se baseia em manifestação do ministro no domingo (14), quando ele se encontrou com manifestantes bolsonaristas. Em conversa divulgada daquele dia, Weintraub aborda diversos temas e diz que “já falei a minha opinião, o que faria com esses vagabundos”.

O texto também cita as publicações em que ele fez chacota de chineses e a reunião ministerial de abril na qual Weintraub xinga os integrantes do STF de vagabundos e diz que eles deveriam ser presos.

LEIA TAMBÉM:

Weintraub recebe multa de R$ 2 mil por não usar máscara em ato bolsonarista

Weintraub está demissionário do Ministério da Educação

Weintraub será notificado por não usar máscara em protesto

“As falas reiteradas de um dos principais ministros do governo de Jair Bolsonaro é inaceitável e anacrônica”, afirma o pedido de Rodrigues, encaminhado ao ministro Alexandre de Moraes.

“Não se pode permitir, de forma alguma, qualquer tipo de ameaça contra a democracia e contra minorias. O ministro precisa se compor e aceitar que está sob a égide do Estado Democrático de Direito. Não há espaço para ameaças às instituições e à Constituição Federal”.

*De Mônica Bergamo – Folha de São Paulo