Requião candidatíssimo à Prefeitura de Curitiba em 2020

O ex-senador Roberto Requião (MDB-PR), numa entrevista exclusiva ao Blog do Esmael, afirmou que disputaria a Prefeitura de Curitiba em 2020 se a eleição fosse adiada para dezembro.

O emedebista também condicionou uma possível candidatura na capital paranaense às pesquisas de opinião e a um movimento –de sindicatos e entidades– pedindo que ele concorra à sucessão do prefeito Rafael Greca (DEM).

Requião disse que Curitiba não pode cair no mesmo erro de Minas Gerais e Rio de Janeiro, que elegeram um Zema e um Witzel.

Romeu Zema, do Novo, é governador de Minas e Wilson Witzel, do PSC, é governador do Rio.

Segundo o pré-candidato do MDB, o próximo prefeito tem que entender e gostar da “máquina de morar gente” que é Curitiba.

Paramentado por causa do coronavírus, Roberto Requião revelou ainda que busca um candidato a vice-prefeito com o perfil do arquiteto Forte Neto.

Assista ao vídeo:

LEIA TAMBÉM

Bolsonaro cumpre promessa e indústria retroage 50 anos

Lula: ‘Bolsonaro neste governo é o bobo da corte. Quem governa é o Guedes’

Delação de Tacla Duran pode mostrar que Lava Jato era ‘fábrica de dinheiro’, diz professor

Bolsonaro autoriza reajuste de 5% no preço do gás de cozinha

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido), em mais uma política para satisfazer acionistas privados, autorizou hoje (4) a Petrobras reajustar em mais 5% no preço do gás de cozinha.

Segundo pesquisa de preços realizada semanalmente pela Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP), o botijão de 13 kg pode custar até R$ 100, dependendo da região no País.

No Paraná, o botijão de 13 kg é vendido por R$ 82 no município de Assis Chateaubriand, Oeste do estado.

Em Araraquara (SP), o combustível gás de cozinha tem o valor médio de R$ 79,42.

É importante o leitor saber que o preço final médio vendido para o consumidor, a dona de casa, é diferente daquele anunciado pela estatal na refinaria.

Dito isso, o preço médio da Petrobras será equivalente a R$ 24,08 por botijão de 13 quilos (kg).

A Petrobras esclarece que igualou desde novembro de 2019, os preços do gás liquefeito de petróleo para os segmentos residencial e industrial/comercial e que o GLP é vendido pela Petrobras a granel.

As distribuidoras são as responsáveis pelo envase em diferentes tipos de botijão e, junto com as revendas, são responsáveis pelos preços ao consumidor final.