Queiroz foi preso na casa do advogado de Flávio Bolsonaro

A Polícia de São Paulo prendeu Fabrício Queiroz nesta manhã de quinta-feira (18), na cidade de Atibaia (SP), em imóvel pertencente ao advogado de Flavio Bolsonaro, Frederick Wassef.

Queiroz, um faz tudo da família Bolsonaro, operava o esquema das “Rachadinhas” no gabinete do então deputado estadual Flávio Bolsonaro, que consistia em surrupiar dinheiro de funcionários fantasmas e esquentar o dinheiro roubado em franquias de lojas de chocolate da Kopenhagem e em imóveis no Rio de Janeiro.

Frederick Wassef protegia Queiroz, que conseguiu se esconder por mais de um ano.

O ex-militar é amigo de longa data do presidente Jair Bolsonaro. Se abrir a boca, o estrago vai ser grande para o clã familiar.

LEIA TAMBÉM:

Caso do presidente Jair Bolsonaro é alvo de busca da polícia no Rio

Fabrício Queiroz, “Rei da Rachadinha”, é preso em sítio de Atibaia (SP)

TCU desconfia ter mais militares no governo do que nos quartéis