Esposa de Messias, ex-assessor de Dilma Rousseff, desaparece em Brasília

Karina Romanini Messias, esposa do ex-assessor da ex-presidente Dilma Rousseff (PT), Jorge Messias, está desaparecida desde a manhã desta terça-feira (23).

Grávida de 5 meses, Karina foi vista pela última vez por volta das 11h da manhã, quando saiu para uma caminhada na quadra 111 da Asa Norte, bairro onde mora em Brasília.

Pelo Twitter, a ex-presidente Dilma pediu ajuda para encontrar Karina.

“Amigos e amigas de #Brasília: por favor, compartilhem nas suas redes e entre os seus contatos. Qualquer pista ou informação neste momento é extremamente importante”, escreveu Dilma na rede social.

A família de Karina também divulgou um telefone para obter informações: (61) 9 8133-6848.

Jorge Rodrigo Araújo Messias tornou-se conhecido do público em março de 2016, quando o ex-juiz Sérgio Moro vazou ilegalmente uma conversa do ex-presidente Lula com a sucessora, Dilma Rousseff. Lula estava na iminência de se tornar ministro-chefe da Casa Civil. Dilma dizia, pelo telefone, estar enviando o termo de posse, e que o político só deveria usá-lo “em caso de necessidade”. Ela estaria se referindo à prerrogativa de foro privilegiado que os ministros têm.

O portador do termo de posse era Jorge Rodrigo –que na época ficou conhecido como “Bessias”.

LEIA TAMBÉM:

  • Senado aprova adiamento das eleições para 15 de novembro de 2020
  • Efeito Bolsonaro: União Europeia estuda barrar entrada de brasileiros por causa da pandemia de coronavírus
  • Notícias ao vivo do Coronavírus: 52.649 mortes e 1.145.906 casos no Brasil em 23/06