Edir Macedo confirma que foi contaminado pela Covid-19 e que tomou cloroquina

O bispo Edir Macedo, dono da Igreja Universal do Reino de Deus e da TV Record, confirmou em entrevista ao portal R7 que foi contaminado pela Covid-19, doença provocada pelo novo coronavírus. Ele estava internado desde o último dia 8 no Hospital Moriah, em São Paulo, e recebeu alta hoje (12).

“Tomei todos os medicamentos indicados pelos médicos, entre eles a hidroxicloroquina, e estou bem”, declarou o bispo, que foi atendido pelos médicos Leandro Echenique e Ricardo Teixeira.

LEIA TAMBÉM:
Casos de coronavírus ultrapassam 7,5 milhões no mundo; EUA e Brasil lideram número de infectados

Jornal Le Figaro aponta bravatas e manipulações de Jair Bolsonaro

Indiferente à Covid-19, Bolsonaro orienta seguidores a invadirem hospitais para filmar leitos

No final do mês de março, Edir Macedo disse, em uma live no Facebook, que os fiéis de sua igreja não deviam se preocupar com o coronavírus.

“Meu amigo e minha amiga, não se preocupe com o coronavírus. Porque essa é a tática, ou mais uma tática, de Satanás. Satanás trabalha com o medo, o pavor. Trabalha com a dúvida. E quando as pessoas ficam apavoradas, com medo, em dúvida, as pessoas ficam fracas, débeis e suscetíveis. Qualquer ventinho que tiver é uma pneumonia para elas”, afirmou na ocasião.

Assista ao vídeo: