Datena defende os atos contra o racismo e critica presidente da Fundação Palmares

O apresentador José Luiz Datena, do Brasil Urgente, voltou a defender, nesta terça-feira (3), a pena de morte para o policial que assassinou George Floyd nos Estados Unidos e comentou sobre o preconceito racial. Datena defendeu as manifestações antirracistas e criticou o presidente da Fundação Palmares, Sergio Camargo.

“Esse presidente da Fundação Palmares… Se esse é o representante dos negros no Brasil nós estamos perdidos. Vazou um áudio desse sujeito que é um áudio terrível. Se for esse cara que defende os negros no Brasil, nós estamos perdidos completamente”, afirmou o apresentador.

Datena, que rompeu com Jair Bolsonaro, disse que se fosse ele o presidente já teria exonerado Camargo. “Do jeito que ele massacra a história, falando sobre Zumbi dos Palmares, que é um verdadeiro herói da resistência da época da escravidão e da perseguição dos negros… Esse sujeito não merece ficar onde ele está. Ele é raivoso, partidário, ideológico, e não defende em nada a sua raça”, declarou..

O apresentador ainda defendeu as mobilizações antirracismo que tem ganhado força no Brasil. “No Brasil o preconceito velado é tão complicado quanto o preconceito explícito e tem que haver reação mesmo. Tem que haver reação dos movimentos negros, que devem rechaçar esse preconceito”, afirmou.

LEIA TAMBÉM:

José de Abreu anuncia desligamento da Globo

Chapa de Bolsonaro e Mourão pode ser cassada semana que vem no TSE

PSOL pede investigação e convocação de Sérgio Camargo após fala de “escória maldita”

A declaração de Camargo que irritou Datena foi feita durante uma reunião. Em áudio vazado para o jornal O Estado de S. Paulo, o presidente da entidade aparece dizendo que o movimento negro é “escória” e que Zumbi dos Palmares é um “filho da puta”.

A cantora Alcione está entre as que se irritou com a fala de Camargo. ““Hoje eu vi aquela matéria do zé ninguém lá da Fundação Palmares. Ainda dou na cara dele para parar de ser um sem noção. […] A gente vê uma pessoa da nossa cor falando uma besteira daquelas, tenho vontade de arrancar da televisão e encher de porrada pra virar gente”, disse durante live da cantora Teresa Cristina.