Weintraub é lançado para a prefeitura de São Paulo

O ministro da Educação, Abraham Weintraub, após o discurso agressivo contra os ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) na reunião ministerial de 22 de abril, foi lançado para a prefeitura de São Paulo por grupos bolsonaristas nas redes sociais.

Segundo a coluna de Mônica Bergamo, na Folha de São Paulo, grupos de apoiadores do presidente Jair Bolsonaro apontam o nome de Weintraub como franco favorito para disputar a presidência. Mas isso, claro, só em 2026, após um eventual segundo mandato do capitão.

Ainda de acordo com a jornalista, até lá, o grupo quer que Weintraub dispute a prefeitura de São Paulo, hoje sob o comando do tucano Bruno Covas (PSDB).

LEIA TAMBÉM:

Câmara vota a Lei de Emergência Cultural nesta terça-feira (26)

Depoimento de Paulo Marinho: Celso de Mello nega pedido de Flávio Bolsonaro

PF encontra contrato de empresa investigada com Helena Witzel

Após o racha no PSL, os bolsonaristas ficaram sem um candidato competitivo para a disputa pela prefeitura na capital paulista.