Wilson-Witzel-3-868x644

Wilson Witzel diz que está infectado com coronavírus; assista


O governador do Rio de Janeiro Wilson Witzel anunciou, através das suas redes sociais, que foi infectado com coronavírus. De acordo com Witzel, os sintomas começaram a aparecer na sexta-feira (10).

“Quero comunicar a todos que desde sexta-feira não venho me sentindo bem, pedi para que fosse o teste do covid e hoje veio o resutlado positivo. Tive febre, dor de garganta, perda de olfato. Continuarei trabalhando, aqui do Palácio Laranjeiras, mantendo as restrições, as recomendações médicas, e tenho certeza que vou superar mais essa dificuldade. Pode contar comigo, povo fluminense, vou continuar trabalhando. E peço à população fluminense para que fique em casa. A doença não escolhe ninguém, e o contágio é rápido”, declarou Witzel.

Na segunda, Witzel prorrogou até o dia 30 de abril as medidas restritivas no Estado. Em decreto, o governador disse que ainda há a necessidade de manter a situação de emergência no Rio devido ao número crescente de casos de Covid-19.

LEIA TAMBÉM:

Moro se recusa a ‘prender o vírus’ da Covid-19

Vídeo de Gilmar Mendes, do STF, sobre COVID-19, dá ‘dor de barriga’ nos bolsominions; assista

‘Coronavírus é dez vezes mais letal que H1N1’, diz OMS

Assim, ficam mantidas medidas como o fechamento de escolas públicas e privadas e a suspensão da realização de eventos esportivos, shows, feiras científicas, entre outros, em locais abertos ou fechados. Academias, centros de lazer, centros esportivos e shoppings também devem permanecer fechados. Também seguem suspensos o funcionamento de cinemas, teatros e afins.

O governo estadual determinou ainda que a população não deve frequentar praias, lagoas, rios e piscinas públicas e clubes.