PT condena expulsão de diplomatas venezuelanos do Brasil

O Partido dos Trabalhadores (PT) lançou nota condenando a decisão do governo Bolsonaro de expulsar a representação diplomática da Venezuela do país. Para o PT, “a decisão demonstra mais uma vez a atual subordinação da diplomacia brasileira aos ditames vindos de Washington e pode ser mais um passo do movimento bélico dos EUA em relação à Venezuela”.

“Defendemos o levantamento do bloqueio e das sanções contra a Venezuela, capitaneados pelos EUA, que dificultam o acesso do país a suprimentos, equipamentos médicos e medicamentos para seu sistema de saúde, impossibilitando até mesmo a compra pelo governo do país e penalizando acima de tudo sua população”, diz um trecho da nota.

Leia a íntegra da nota do PT:

O Partido dos Trabalhadores (PT) e suas bancadas parlamentares no Congresso Nacional condenam expressamente a atitude do governo brasileiro de expulsar todos os diplomatas venezuelanos em serviço no território nacional, dando-lhes até sábado, 2 de maio, para deixar o Brasil.

Esta expulsão foi comunicada por carta do Ministério de Relações Exteriores enviada hoje, quarta-feira, 29 de abril, em caráter de urgência, à Embaixada da República Bolivariana da Venezuela.

A decisão demonstra mais uma vez a atual subordinação da diplomacia brasileira aos ditames vindos de Washington e pode ser mais um passo do movimento bélico dos EUA em relação à Venezuela.

Também contraria nossa independência na área diplomática, desrespeita os anos de história do Itamaraty, órgão brasileiro reconhecido mundialmente. Choca-se com as bases históricas de política exterior de respeitar a soberania e a autodeterminação, contra todo e qualquer tipo de ingerência externa nos assuntos internos de um país.

LEIA TAMBÉM:

Bolsonaro expulsa do país toda representação diplomática da Venezuela

Coronavírus: Conselho Nacional de Saúde diz que ações de Bolsonaro são genocidas

PSOL pede cassação de Carla Zambelli por oferecer cargo no STF a Sérgio Moro

Some-se a isso a atual situação de pandemia mundial, um momento em que deveríamos colocar as diferenças entre as nações de lado e buscar uma luta ampla e comum a este grave problema que assola todo o mundo.

Defendemos o levantamento do bloqueio e das sanções contra a Venezuela, capitaneados pelos EUA, que dificultam o acesso do país a suprimentos, equipamentos médicos e medicamentos para seu sistema de saúde, impossibilitando até mesmo a compra pelo governo do país e penalizando acima de tudo sua população.

Exigimos do governo brasileiro e do Ministério de Relações Exteriores o devido respeito a todo o corpo diplomático venezuelano no Brasil e que o Itamaraty volta a defender os princípios que sempre foram tão caros à nossa diplomacia.

Partido dos Trabalhadores
Diretório Nacional

29 de abril de 2020.