Ministro Luís Roberto Barroso é eleito novo presidente do TSE


O ministro Luís Roberto Barroso, do Supremo Tribunal Federal (STF), foi eleito nesta quinta-feira (16) presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Foram seis votos a um. A votação, que é secreta, foi realizada em sessão eletrônica e os magistrados votaram de suas casas. A Corte enviou para cada ministro um equipamento, além de cabine e mesário.

Luís Roberto Barroso assume a presidência do TSE em maio, substituindo a ministra Rosa Weber. O ministro vai comandar as eleições municipais deste ano, programadas para outubro. Há o temor de que, diante do avanço da pandemia de Covid-19, as eleições não possam ser realizadas.

O ministro é contra o cancelamento das eleições, para ele essa proposta pode fazê-las coincidir em 2022 e representa um grave problema. “O eleitor deu um mandato de 4 anos, portanto, prorrogar isso frauda o comando e a vontade que o eleitor manifestou. Além do quê, eu acho uma péssima ideia coincidir eleições municipais com eleições nacionais. As pautas são diferentes”, afirmou o ministro em entrevista ao portal UOL.

LEIA TAMBÉM:

Panelaços em todo o país contra a demissão de Mandetta

A íntegra do discurso de Nelson Teich, novo ministro da Saúde; assista ao vídeo

Quem é Nelson Teich, o novo ministro da Saúde

Barroso tem 62 anos tomou posse do cargo de titular do TSE em fevereiro de 2018, sendo que ocupava a cadeira de substituto desde 2014. Ele foi a terceira indicação ao STF da ex-presidente Dilma Rousseff (PT), em 2013. Ele substituiu Carlos Ayres Britto.