#MassacreNuncaMais relembra os 24 anos do massacre de Eldorado dos Carajás

Para marcar os 24 anos do Massacre de Eldorado dos Carajás, no sul do Pará, completados nesta sexta-feira (17), o Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST) organiza uma série de ações sociais e virtuais em memória dos camponeses assassinados na chacina, um dos episódios mais violentos contra trabalhadores rurais no Brasil.

Ao todo, 21 camponeses foram mortos – 19 no local e outros 2 morreram no hospital – e dezenas ficaram feridos pela ação policial.

LEIA TAMBÉM
Tarso Genro diz que novo ministro da Saúde “não é ‘técnico’ e não conhece o SUS”

Bolsonaro não tem equilíbrio psicológico para governar um país, diz Lula; assista

Mourão garante que está tudo sob controle, só não sabe de quem; assista

Na época, os sem-terra marchavam pela região em protesto quando, nas proximidades da fazenda Macaxeira, foram abordados por policiais militares, que usaram do aparato repressivo contra os trabalhadores.

Desde então, o MST faz ações para marcar este “abril vermelho” – como é chamada a jornada anual em memória das vítimas.

Entre as atividades, o MST convocou um ‘tuitaço’ para as 17 horas com a hashtag #MassacreNuncaMais.

As informações são da Rede Brasil Atual