Governadores do Nordeste vão ao STF para pedir suspensão das dívidas com a União

Os governadores dos estados do Nordeste pediram ao presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Dias Toffoli, a suspensão temporária do pagamento das dívidas dos estados com a União.

Segundo o governador da Bahia, Rui Costa (PT), o pedido a Toffoli foi feito através de videoconferência, que contou ainda com a participação do ministro Alexandre de Moraes, o ex-advogado-geral da União, André Mendonça, e procuradores dos estados.

“Foi uma reunião extremamente positiva, onde o presidente do STF determinou que Banco do Brasil, Caixa Econômica e BNDES se manifestem em até 24 horas sobre o pedido dos governadores. Além disso, ficou estabelecido o prazo de cinco dias para que as partes envolvidas, estados, Governo Federal e bancos, possam chegar a um acordo”, declarou o governador petista.

A pandemia do coronavírus agravou mais ainda as dificuldades econômicas dos estados nordestinos.

LEIA TAMBÉM:

Carla Zambelli, ‘pombo-correio de Bolsonaro’, terá celular apreendido

Eduardo Bolsonaro teme um processo de impeachment contra o pai

STF autoriza inquérito para investigar denúncias de Moro contra Bolsonaro