Twitter apaga ‘fake news’ de Flávio Bolsonaro e Ricardo Salles

Publicado em 23 março, 2020
Compartilhe agora!

O Twitter apagou tuítes do ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles, e do senador Flávio Bolsonaro (sem partido-RJ), que utilizavam um vídeo antigo do médico Drauzio Varella sobre o Coronavírus.

A empresa considerou que as postagens violavam as regras de uso da rede ao potencialmente colocar as pessoas em maior risco de transmitir o vírus.

LEIA TAMBÉM: Bolsonaristas usam vídeo antigo de Drauzio Varella para fazer campanha a favor do coronavírus. Pode isso?

O ministro e o senador usaram um vídeo antigo do médico Drauzio Varella para minimizar o efeito devastador da COVID-19.

O vídeo em questão é do dia 30 de janeiro, quando o coronavírus era uma realidade distante circunscrito apenas à China.

Até a semana passada, o presidente da República vinha tratado a pandemia de coronavírus como uma “gripezinha” qualquer.

Para reforçar a tese, os bolsonaristas recorreram a um material antigo do Dr. Drauzio que pedia às pessoas que não entrassem em pânico com o vírus porque ele iria se dissipar com o tempo como qualquer outra gripe. Mas, como todos sabem, a situação mudou.

Agora, o Twitter removeu as postagens dos bolsoanaristas, com razão.

Com informações da Folha de São Paulo

LEIA TAMBÉM
STF suspende cortes do Bolsa Família no Nordeste durante pandemia de coronavírus

Juristas alertam que Bolsonaro quer o caos para tentar o golpe

Robôs bolsonaristas tentam defender o indefensável com #PraCimaDelesPresidente

Compartilhe agora!