PSB condena “atitude irresponsável e inconsequente” de Bolsonaro

Compartilhe agora

A bancada do Partido Socialista Brasileiro na Câmara publicou nesta segunda-feira (16) uma nota condenando a “atitude irresponsável e inconsequente do presidente” de comparecer às manifestações sem a devida proteção sanitária.

Os parlamentares lembram que milhares de pessoas ao redor do mundo estão morrendo por causa da doença Covid-19 causada pelo Coronavírus.

LEIA TAMBEM
Coronavírus: PSOL vai denunciar Bolsonaro à OMS por por estimular e participar de manifestações

Bolsonaro declara guerra ao Congresso e ao STF; agora ele poderá sofrer impeachment

URGENTE: PT pede impeachment para Bolsonaro

Segundo os Socialistas, Bolsonaro parece não se importar com a saúde dos Brasileiros. Leia a íntegra:

NOTA OFICIAL DA BANCADA DO PSB SOBRE A PARTICIPAÇÃO DE BOLSONARO NAS MANIFESTAÇÕES

A bancada do Partido Socialista Brasileiro vem, por meio dessa nota, condenar a atitude irresponsável e inconsequente do presidente da República neste domingo, 15 de março, data em que contrariou as recomendações de seu próprio governo e compareceu às manifestações sem a devida proteção sanitária, dando as mãos a cidadãos e colocando suas vidas em risco em meio à epidemia do coronavírus.

Milhares de pessoas ao redor do mundo estão morrendo, vítimas do COVID-19, que se alastra facilmente e vitimiza principalmente as populações mais velhas. Várias pessoas no entorno do presidente já contraíram o vírus. O próprio Bolsonaro fez exame para verificar se tinha sido infectado. Nestas situações, a orientação médica, para proteger a si mesmo e aos demais ao seu redor, é resguardar-se. O presidente, no entanto, estimulou as manifestações em suas redes sociais – contribuindo para a aglomeração de pessoas, o contrário do recomendado pelo próprio Ministro da Saúde de seu governo – e inclusive participou do protesto em Brasília, tendo contato físico com os presentes. Uma irresponsabilidade atrás da outra, um verdadeiro pesadelo para quem se preocupa com a saúde e a vida dos brasileiros.

Enquanto a Ásia e a Europa já sofrem os efeitos nefastos do vírus, o Brasil tem o dever de antecipar-se e focar em ações preventivas, a fim de evitar o contágio em massa. Sem os devidos cuidados, o sistema público de saúde será sobrecarregado, prejudicando o acesso de todos a um atendimento digno e decisivo para salvar vidas. Sem dúvida, os mais pobres serão os que mais sofrerão com estas atitudes irresponsáveis.

Bolsonaro, no entanto, parece não se importar com a saúde dos brasileiros e até mesmo de seus apoiadores. Demonstrou hoje, mais uma vez, que seu projeto político tem um custo amargo: a vida dos brasileiros.

A bancada do PSB na Câmara seguirá unida e forte na luta contra os absurdos de Bolsonaro, e colaborando de todas as formas possíveis para evitar o contágio desenfreado e que se abata uma tragédia na saúde do povo brasileiro, bem como um desastre em nossa economia, o que também afetaria a todos, especialmente aos mais vulneráveis.

Dep. Alessandro Molon
Líder da Bancada do PSB na Câmara