Haddad: ‘Tem que ser muito tosco para defender que a ditadura salvou nossa democracia’

Compartilhe agora

O ex-prefeito de São Paulo e ex-ministro da Educação, Fernando Haddad (PT), usou o Twitter nesta terça-feira (31) para criticar o governo do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) pela comemoração do aniversário do golpe militar de 1964.

“Alguém são acreditaria que uma ditadura de 21 anos salvou a nossa democracia? Tem que ser muito tosco para defender uma tese como essa. #DitaduraNuncaMais”, escreveu o petista na rede social.

LEIA TAMBÉM:
#DitaduraNuncaMais relembra do golpe de 1964 no Twitter

UNE: “Golpe e ditadura não se comemoram, se repudiam!”

Bolsonaro se envolve em novo ‘bate-boca’ durante entrevista; assista

Ontem (30), o ministro da Defesa, Fernando Azevedo e Silva, divulgou um comunicado no qual afirmou que o golpe militar de 1964 foi “marco para a democracia brasileira”.

Confira o tuíte de Haddad: