Força Nacional permanecerá mais 90 dias em terra indígena no Maranhão

Compartilhe agora

O Ministério da Justiça e Segurança Pública prorrogou por mais 90 dias o emprego da Força Nacional na Terra Indígena Cana Brava Guajajara, no Maranhão.

O militares já estavam na área desde o início de dezembro do ano passado, quando um atentado contra líderes Guajajara resultou em duas mortes na BR-226.

LEIA TAMBÉM:
Mulheres Sem Terra ocupam Ministério da Agricultura em Brasília

Patrícia Campos Mello, da Folha, processa Bolsonaro por danos morais

Weintraub sobre reportagem de Drauzio Varella: “Desejo que vocês terminem no inferno!”

A medida, segundo a Portaria 107, publicada no Diário Oficial da União desta segunda-feira (9), busca garantir a integridade física e moral dos povos indígenas, dos servidores da Funai e de não índios.

A Força Nacional deve permanecer na região até 6 de junho de 2020.

Com informações da Radioagência Nacional.