PSOL, PT e Rede pedem cassação de Flávio Bolsonaro no Senado

Compartilhe agora
Deputado federal Marcelo Freixo (PSOL-RJ).

Parlamentares do PSOL, PT e Rede protocolaram hoje (19) no Conselho de Ética do Senado pedido de cassação do mandato do senador Flávio Bolsonaro (sem partido), filho do presidente Jair Bolsonaro (sem partido), por sua ligação com a milícia.

O anúncio foi feito pelo deputado federal Marcelo Freixo (PSOL-RJ).

“Acabamos de entregar o pedido de cassação do @FlavioBolsonaro no Conselho de Ética do Senado por suas relações com as milícias, lavagem de dinheiro e desvio de verbas públicas através das rachadinhas. A proposta é de parlamentares do PSOL, PT e Rede”, escreveu o parlamentar no Twitter.

LEIA TAMBÉM:
Lula: ‘Quem tem de queimar arquivo está no governo federal’

Justiça da Bahia determina nova perícia no corpo de miliciano Adriano da Nóbrega

Gravíssimo. Um cadáver torturado no colo da esquerda???

Flávio Bolsonaro tem vários amigos milicianos. Ele possuía, por exemplo, uma uma relação estreita com o miliciano e ex-capitão da Polícia Militar Adriano da Nóbrega, morto no último dia 9 na Bahia. Quando era deputado estadual no Rio de Janeiro, Flávio homenageou Adriano e empregou seus parentes em seu gabinete.