OAB manifesta apoio à jornalista Patrícia Campos Mello

Publicado em 13 fevereiro, 2020

O Observatório da Liberdade de Imprensa da Ordem dos Advogados do Brasil publicou uma nota de apoio à jornalista Patrícia Campos Mello que foi alvo de ataques de um depoente da CPMI das “fake news”.

Hans River do Nascimento foi convocado para falar no Congresso na CPMI pois foi a fonte de reportagens que apontavam a Yacows como uma das empresas a fazer disparos de mensagens de campanha em massa, utilizando robôs e linhas telefônicas falsas.

.

Na CPMI, Hans negou ter repassado informações à repórter e afirmou que a jornalista teria se insinuado a ele para conseguir informações para a matéria. A fala de River foi desmentida horas depois pelo jornal, que exibiu documentos enviados por River a Patrícia e ainda trechos das trocas de mensagens entre os dois.

Confira a nota da OAB:

Nota oficial de apoio à jornalista Patrícia Campos Mello

.

O Observatório da Liberdade de Imprensa da OAB – Ordem dos Advogados do Brasil vem prestar irrestrito apoio a Patrícia Campos Mello, objeto de ataques e insinuações agressivas em comissão parlamentar de inquérito.

O uso de difamação para afetar a imagem de uma profissional de comunicação que incomoda justamente por sua competência merece repúdio das instituições que prezam a liberdade de expressão e de informação.

Observatório da Liberdade de Imprensa
Ordem dos Advogados do Brasil

.

LEIA TAMBÉM
Folha diz que Hans River mentiu além de insultar jornalista

Hans River fez acusações mentirosas à CPMI das Fake News, denunciam petistas

Oposição acionará PGR contra Hans River por falso testemunho na CPMI das Fake News

.

Patrícia Campos Mello recebe apoio maciço de colegas de profissão

Rodrigo Maia quer punição para Hans River por mentir na CPMI