Coronavírus: OMS lança alerta para todos os países


Tedros Adhanom Ghebreyesus, diretor-geral da Organização Mundial de Saúde (OMS), fez um alerta neste fim de semana em conferência de imprensa para o ritmo rápido de propagação da doença e para o surgimento de pessoas infectadas que não tiveram qualquer contato com algum caso confirmado, nem têm historial de viagens à China.

“Os casos que estamos a ver no resto do mundo, embora os números sejam baixos, o facto de não estarem ligados a Wuhan ou à China, são muito preocupantes”, declarou Tedros, salientando que, apesar do pedido da OMS, a comunidade internacional não está a agir rapidamente, nomeadamente a nível de financiamento.

O diretor-geral da OMS manifestou grande preocupação com o risco de o vírus chegar a países com economias mais pobres e com frágeis sistemas de saúde, tendo dito que estão identificados 13 destes países em África, devido aos laços com a China.

O diretor-geral da OMS tinha apontado, na última sexta-feira (21), que a janela de oportunidade para evitar uma pandemia está a fechar-se.

LEIA TAMBÉM:

Mortes por coronavírus na China chegam a 2.592

O FMI alertou também para o impacto econômico negativo do coronavírus. “Acima de tudo, o vírus Covid-19 é uma tragédia humana, mas também tem impacto econômico negativo.
“Relatei ao G20 que, mesmo no caso de rápida contenção do vírus, o crescimento na China e no resto do mundo seria afetado. Obviamente que todos esperamos uma recuperação rápida, mas, dada a incerteza, seria prudente prepararmo-nos para cenários mais adversos”, declarou a diretora-geral do FMI, Kristalina Georgieva.

*Da Esquerda.Net