Ceará sob comando do Exército; mais tropas são deslocadas para reforçar GLO

Compartilhe agora


Em entrevista coletiva realizada na tarde deste sábado (22), o comandante da 10ª Região Militar do Ceará, Fernando da Cunha Mattos, revelou que o efetivo inicial que está atuando na operação para a Garantia da Lei e da Ordem (GLO) durante o motim de policiais militares foi insuficiente para conter a onda de violência e anunciou a chegada de mais tropas.

“A tropa está iniciando a sua presença agora, então os efetivos estavam inicialmente muito limitados, por isso o Comando do Nordeste enviou novas tropas, de quatro estados, pra dar um volume de tropa adequado para missão. Os meios inicialmente estavam insuficientes”, afirmou Mattos.

LEIA TAMBÉM:

Sobe para 88 o número de assassinatos durante motim de PMs no Ceará

Com a Garantia da Lei e da Ordem, o Exército assume o controle da Operação Mandacaru, como foi batizada a ação para garantir a segurança durante o motim de policiais militares. As equipes do Raio, Choque e Cotar – da Polícia Militar do Ceará – passam a responder às ordens do Exército durante a Operação Mandacaru.

*Com informações do Ceará News (CN)