Câmara aprova emergência para conter o coronavírus no Brasil

Brasileiros na China fazem vídeo pedindo que governo de Jair Bolsonaro os retirem de país afetado pelo surto do coronavírus — Foto: Reprodução/YouTube via BBC.
Por acordo entre os partidos, os deputados já aprovaram na Câmara o regime de urgência para o Projeto de Lei 23/20, do Poder Executivo, que estabelece as medidas a serem adotadas pelas autoridades sanitárias em caso de emergência de saúde pública provocada pelo coronavírus.

Entre outros pontos, a proposta prevê isolamento, quarentena e fechamento de portos, rodovias e aeroportos para entrada e saída do País.

O governo afirma que a proposta é necessária porque a legislação brasileira está defasada quanto à definição de instrumentos jurídicos e sanitários adequados para o combate ao vírus, que ainda não foi notificado em solo brasileiro.

Paralelamente, nesta quarta-feira (5) partem os aviões para resgatar os brasileiros que estão em Wuhan, na China.

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) não queria repatriar os compatriotas no pais asiático, mas, após vídeo em que os brasileiros faziam um apelo, ele recuou.

Os repatriados ficarão em quarentena, por 18 dias, na cidade de Anápolis (GO). A cidade já serviu a esse propósito nos anos 80, quando do desastre com o Césio 137 (material retroativo).

LEIA TAMBÉM
Coronavírus: Quando faria sentido o uso de Medida Provisória, Bolsonaro envia um Projeto de Lei

Coronavírus: Vaticano envia milhares de máscaras à China

Coronavírus: China já tem 425 mortos e mais de 20 mil contaminados