URGENTE: MPF denuncia Glenn Greenwald por “ligação com hackers”

Publicado em 21 janeiro, 2020

O Ministério Público Federal (MPF) apresentou denuncia contra o jornalista Glenn Greenwald, do Intercept, por suposta ligação com hackers que invadiram celulares de diversas autoridades.

Além do jornalista, outras seis pessoas foram denunciadas no âmbito da Operação Spoofing, da Polícia Federal, que investiga o caso.

Gleen foi denunciado mesmo sem ser investigado. Ele também não foi indiciado pela PF no inquérito que foi enviado ao Ministério Público. O MPF no entanto, alega que “ficou comprovado que ele auxiliou, incentivou e orientou o grupo durante o período das invasões”.

LEIA TAMBÉM
Polícia Federal inocenta Glenn Greenwald e Manuela D’Ávila nas invasões de hackers

Delação de hacker inocenta Glenn Greenwald e Manuela D’Ávila

Análise: o sono venceu na entrevista com Moro

A denúncia é assinada pelo procurador da República Wellington Divino de Oliveira, o mesmo que apresentou denuncia contra o presidente da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), Felipe Santa Cruz, por críticas que ele fez a Sérgio Moro. A denuncia contra Santa Cruz foi rejeitada pela Justiça posteriormente.

O absurdo da denúncia mesmo sem investigação e sem indiciamento mostra o disparate da perseguição que o MPF pretende fazer. Isso cheira a revanchismo por causa das revelações da Vaza Jato.

Com informações do Correio Brasiliense