Ministro ‘In Fux We Trust’ suspende juiz de garantias por tempo indeterminado

Publicado em 22 janeiro, 2020
Compartilhe agora!

O vice-presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministro Luiz ‘In Fux We trust’, suspendeu nesta quarta-feira (22) por tempo indeterminado a implementação do juiz de garantias.

A decisão de Fux, mesmo sendo esperada, é um atrevimento, como analisou o advogado Wadih Damous. O vice do STF atropelou uma decisão do presidente da casa que vinha quase no mesmo sentido.

Confira o comentário do ex-deputado e ex-presidente da OAB-RJ, Damous:

LEIA TAMBÉM
PSL questiona no STF o juiz de garantias sancionado por Bolsonaro

Associação Juízes para a Democracia defende juiz de garantias

Podemos e Cidadania entram com ação no STF contra juiz de garantias

Quatro ações questionam o tema no Supremo e são relatadas por Fux. O ministro também está encarregado do plantão do STF no recesso do Judiciário. Caberá a ele liberar o processo para a pauta do plenário.

A decisão de Fux ocorre dias depois de o presidente da Corte, ministro Dias Toffoli, adiar a implantação do sistema nos tribunais por até 180 dias. Essa decisão foi revogada por Fux.

A suspensão valerá até que o plenário do STF decida se as novas regras estão de acordo com a Constituição.

Com informações do G1

Compartilhe agora!