Paulo Guedes

IBGE vai revisar PIB após erro do governo nos dados sobre exportações

Publicado em 5 dezembro, 2019
Compartilhe agora!

Paulo Guedes
O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) informou nesta quarta-feira que vai rever os resultados do Produto Interno Bruto (PIB) do terceiro trimestre deste ano em função de erros nos dados das exportações apontada pela Secretaria de Comércio Exterior (Secex).

Em nota técnica, o órgão afirmou que a revisão dos dados faz parte do processo dos sistemas estatísticos em todo o mundo e está prevista na metodologia das contas trimestrais brasileiras. O ajuste nos dados confirmam reportagem do jornal inglês Financial Times que apontou erros nos números divulgados ao mercado pelo Ministério da Economia, afirmando que há um sentimento de desconfiança no Brasil por parte de investidores.

Os números revisados do PIB do terceiro trimestre serão divulgados em 4 de março, junto à publicação dos dados do quarto trimestre.

Na terça-feira (3), o IBGE informou que o PIB brasileiro cresceu 0,6% no terceiro trimestre frente aos três meses anteriores, mais do que o esperado pelo mercado.

Na véspera, o Ministério da Economia havia anunciado uma correção de 6,5 bilhões de dólares para cima no valor das exportações brasileiras para os meses de setembro a novembro. Em setembro apenas houve uma elevação de 1,368 bilhão de dólares no valor.

O ministério informou que, por um erro na transmissão de dados, as exportações não vinham sendo devidamente apuradas desde setembro, o que foi corrigido. Segundo o Serviço Federal de Processamento de Dados (Serpro) —responsável pelo sistema que compila as informações comerciais—, a falha foi humana e causada pelo fato de um funcionário não ter acionado um comando adicional para a leitura de todos os dados, conforme mandava o protocolo.

LEIA TAMBÉM:

“Pibinho” de Dilma foi maior que pibinho de Bolsonaro

“Ainda não houve a incorporação da revisão das exportações, uma vez que esta foi publicada na véspera da divulgação dos resultados das contas nacionais trimestrais do terceiro trimestre”, afirmou o IBGE na nota.

Uma fonte do órgão, que pediu para não ser identificada, ponderou que as revisões dos dados do PIB são frequentes e que o setor externo é apenas uma parcela do produto, que fechou 2018 próximo a 7 trilhões de reais.

Em uma nota separada, o sindicato de servidores do IBGE (Assibge) manifestou preocupação com o erro apontado pelo governo nos dados das exportações do país, destacando que a falha pode ser resultado do que chamou de precariedade orçamentária e desmonte dos quadros de pessoal, “processo que também vitima o IBGE e representa um risco real ao sistema estatístico nacional”.

Compartilhe agora!