Ato ‘Lula Abraça a Cultura’ consagra unidade Freixo e Benedita no Rio

Compartilhe agora


O Ato “Lula Abraça a Cultura” no Circo Voador, nesta noite de quarta-feira (18) no Rio, para denunciar o desmonte da Cultura pelo governo Bolsonaro e celebrar a liberdade do ex-presidente Lula, foi um momento de consagração da unidade da esquerda carioca.

O público vibrou e entoou a palavra de ordem “Vai vançar, vai avançar a unidade popular” durante os pronunciamentos de Benedita da Silva (PT) e Marcelo Freixo, que cantaram juntos “Juízo Final” de Nelson Cavaquinho, acompanhados pela plateia que reforçava o coro na estrofe “o sol há de brilhar mais uma vez”.

Por sua vez, Freixo ressaltou a necessidade de “unificar o campo progressista no Rio, São Paulo, Porto Alegre para construir cidades democráticas e livres”.

LEIA TAMBÉM:

Lula ao vivo no Rio

Freixo sobre apoio do PT: “Já está dado”

Jesus Cristo ‘gay’ do Porta dos Fundos bate recorde na Netflix

Freixo também apontou que “Lula livre é Brasil livre” e que o líder petista é fundamental para garantir “a unidade da esquerda e do campo progressista”.