Aliado de Bolsonaro tentou sequestrar jornalista Lauro Jardim, diz Bebianno


O ex-coordenador-geral da campanha de Jair Bolsonaro à presidência da República, Gustavo Bebianno, afirmou que uma pessoa próxima ao presidente da República tentou sequestrar o colunista Lauro Jardim, do jornal O Globo, na saída de um restaurante em São Paulo.

Durante uma entrevista à rádio Jovem Pan, Bebianno, que foi Secretário-Geral da Presidência, disse que a pessoa em questão – que não teve a identidade revelada – já fez ameaças a jornalistas de diversos veículos, incluindo a suposta tentativa de sequestro. Ele, no entanto, não deu detalhes a respeito dos casos.

“O presidente parece que escolhe a dedo pessoas muito perigosas. Inclusive, há uma pessoa muito próxima a ele que recentemente tentou sequestrar um jornalista do sistema Globo. Pegou o jornalista Lauro Jardim na saída de um restaurante em São Paulo e tentou enfiar o Lauro Jardim dentro de um automóvel, uma coisa meio forçada. O Lauro ficou muito nervoso, muito preocupado”, disse.

LEIA TAMBÉM:

Surtado e acuado, Bolsonaro ataca a Globo

Ibope: Despenca a aprovação de Bolsonaro

Entidades repudiam agressão de Bolsonaro a jornalistas

“O assunto foi levado à direção da TV Globo, foi parar no departamento jurídico do jornal O Globo, e essa pessoa foi notificada inclusive pelo sistema Globo para que não se aproximasse mais do Lauro Jardim. Essa mesma pessoa já ameaçou uma jornalista da revista Época e já fez ameaças veladas a outra jornalista do jornal O Globo. São essas as pessoas que estão ao redor do presidente”, destacou Bebianno.

*Com informações do G1