Torcida do Santos protesta contra a ida de Bolsonaro à Vila Belmiro

Publicado em 15 novembro, 2019
Compartilhe agora!

O presidente Bolsonaro afirmou que irá à VIla Belmiro, estádio do Santos F.C., neste sábado (16) assistir ao clássico contra o São Paulo F.C. A torcida do Jovem Santos protestou e até emitiu uma nota contra a presença do governante.

Segundo a nota, os posicionamentos de Bolsonaro são incompatíveis com a “pluralidade social, racial, étnica e cultural da torcida santista”. A nota cita inclusive a luta contra a ditadura militar por parte da torcida.

Resumindo, Bolsonaro vai tomar uma vaia histórica da Nação Santista. E os motivos são extra-campo.

Leia a nota da Torcida Jovem do Santos:

À Presidência,

O G.R.C.E.S. TORCIDA DO JOVEM DO SANTOS recebeu com total descontentamento a informação de que Jair Bolsonaro estará na Vila Belmiro no próximo sábado (16), acompanhando o jogo do Santos.

Repudiamos o palanque político que essa visita significa e reforçamos que os posicionamentos ideológicos de Bolsonaro são incompatíveis com a pluralidade social, racial, étnica e cultural da torcida santista e de toda a história de luta da TORCIDA JOVEM contra a ditadura militar, enaltecida por esse político.

Além disso, Bolsonaro torce para um time rival da capital, tornando sua presença no estádio ainda mais desnecessária.

O SANTOS FUTEBOL CLUBE tem se posicionado frequentemente sobre diversas causas sociais, honrando sua história de 107 anos e servindo como exemplo aos demais clubes do Brasil. Não fazemos amistosos contra os que tentam acabar com a nossa liberdade”

Com informações do Lance.

Compartilhe agora!