Moro ficou magoado com discurso de Lula

Publicado em 9 novembro, 2019
Compartilhe agora!

O ministro Sérgio Moro, da Justiça, ficou bastante magoado com o discurso do ex-presidente Lula, neste sábado (9), no Sindicato dos Metalúrgicos do ABC, em São Bernardo do Campo (SP).

Solto ontem (8), o petista disse hoje duvidar que o presidente Jair Bolsonaro (PSL), o ministro Paulo Guedes, o ex-juiz Moro e o procurador Deltan Dallagnol duram com a consciência tranquila.

“Eu duvido que o Moro durma com a consciência tranquila que eu durmo. Eu duvido que o tal do Dallagnol durma com a consciência tranquila que eu durmo. Aliás, eu duvido que o seu Bolsonaro durma com a consciência tranquila que eu durmo. Eu duvido que o ministro demolidor de sonhos, destruidor de empregos, destruidor de empresas públicas brasileiras, chamado Guedes, durma com a consciência tranquila que eu durmo. E eu quero dizer pra eles, eu estou de volta”.

No entanto, Lula magoou mesmo Sérgio Moro ao dizer que ele foi um “canalha” e não um juiz ao julgá-lo.

“Eu poderia ter ido a uma embaixada, eu poderia ter ido a um outro país, mas eu tomei a decisão de ir lá [ser preso]. Porque eu preciso provar que o juiz Moro não era juiz, era um canalha que estava me julgando”,discurou o ex-presidente para uma multidão em frente ao Sindicato dos Metalúrgicos do ABC.

Moro, chateado, revidou: “não respondo a criminosos, presos ou soltos.”

LEIA TAMBÉM
Lula desafia Bolsonaro deixar milicianos para governar para o povo

Lula Livre sufoca manifestação pró-Bolsonaro neste sábado

Bolsonaro pede para seguidores não darem “munição ao canalha” do Lula

Compartilhe agora!