Para Chico Buarque, o boicote de Bolsonaro é mais um prêmio

Publicado em 9 outubro, 2019
Compartilhe agora!

Se o presidente Bolsonaro pensou que atingiria Chico Buarque de Hollanda com seu boicote ao prêmio Camões, se enganou redondamente. O consagrado artista disse que a não assinatura no diploma é como mais um prêmio.

LEIA TAMBÉM
Bolsonaro ameaça não assinar Prêmio Camões para Chico Buarque

Fogo no laranjal: PSL sabota deputados bolsonaristas

Alexandre Frota: “Eu avisei que ia pegar fogo no puteiro”

Bivar diz que fala de Bolsonaro sobre o PSL foi “terminal”

O prêmio Camões, honraria máxima da literatura em língua portuguesa, foi anunciado para Chico Buarque em maio. O júri do prêmio, composto por representantes de Brasil, Portugal, Moçambique e Angola, escolheu o artista brasileiro por unanimidade.

O prêmio chega a 100 mil euros, que devem ser pagos, em parcelas iguais, por Brasil e Portugal. A parcela do Brasil já foi paga no mês de junho, segundo informações da Biblioteca Nacional. Mas o presidente Bolsonaro deveria assinar um certificado do prêmio.

Pior para o presidente. Certas críticas, dependendo de onde vêm, viram elogios.

Com informações do Globo.

Compartilhe agora!