General Villas Bôas é transferido para UTI em hospital de Brasília

O general Eduardo Villas Bôas, assessor especial do Gabinete de Segurança Institucional (GSI), foi transferido neste domingo (6) para a Unidade de Tratamento Intensivo (UTI) do Hospital Sírio-Libanês, em Brasília. O militar tem uma doença degenerativa. Ele estava no Hospital das Forças Armadas para fazer uma broncoscopia e foi levado ao Sírio-Libanês

Em nota, o Gabinete de Segurança Institucional (GSI) da Presidência da República informou que a saúde de Villas Bôas está “estável”, mas foi encaminhado à UTI para “fins de estabilização do quadro respiratório”. As visitas permanecem restritas a familiares.

LEIA TAMBÉM:

Folha confessa que ajudou nos crimes da Lava Jato

General Heleno manda FHC calar a boca após crítica a Bolsonaro

Moro ‘absolve’ Bolsonaro pelo caixa 2 do laranjal do PSL

Em 3 de outubro, o general precisou ser internado, no Hospital das Forças Armadas, para ser submetido a uma broncoscopia – exame para avaliar a capacidade dos pulmões. Villas Bôas sofre de Esclerose Lateral Amiotrófica (ELA), uma doença neuromotora degenerativa.