Câmara cria comissão para acompanhar óleo derramado no Nordeste

Publicado em 25 outubro, 2019


A Câmara dos Deputados aprovou nesta quinta-feira (24) a criação de uma comissão externa para avaliar o vazamento de óleo no litoral do Nordeste. As manchas de petróleo já atingem as praias de 78 cidades da região.

O governo Bolsonaro continua sem explicações para a contaminação do litoral nordestino e tem buscado levantar suspeitas sobre os supostos responsáveis pelos vazamentos. O ministro do Meio Ambiente Ricardo Salles e o presidente Bolsonaro acusaram a Venezuela e agora o movimento ambientalista Greenpeace.

LEIA TAMBÉM:

Bolsonaro diz que Greenpeace é terrorista: “Só atrapalha”

Salles insinua que Greenpeace está envolvido no derrame de petróleo no Nordeste

Comissão do Senado aprova convite para Salles falar sobre óleo no Nordeste

Responsável por presidir a sessão, a deputada Soraya Santos (PL-RJ), destacou que foram apresentados oito pedidos para a criação da comissão externa. Também há pedido de criação de uma Comissão Parlamentar de Inquérito para investigar a questão.