Sem noção, Eduardo Bolsonaro mantém ataques à Greta Thunberg

O deputado e ex-futuro embaixador, Eduardo Bolsonaro (PSL-SP), continua atacando gratuitamente a ativista adolescente sueca, Greta Thunberg.

Na verdade, a questão ambiental colocou o bolsonarismo numa sinuca de bico. Se por um lado, Bolsonaro libera geral a devastação dos recursos naturais para agradar setores como o agronegócio, essa atitude acaba prejudicando os próprios aliados.

Isso acontece porque a destruição da amazônia prejudica as exportações brasileira. As queimadas, por exemplo, forneceram argumentos aos produtores europeus que desejavam se livrar da concorrência brasileira.

O acordo comercial entre o Mercosul e a União Européia está inviabilizado pela irresponsabilidade do governo.

LEIA TAMBÉM
Eduardo Bolsonaro espalha ‘fake news’ sobre Greta Thunberg e é desmascarado

#DesculpaGreta sobe no Twitter após ataques e notícias falsas

Eduardo Bolsonaro arma ‘golpe’ para barrar candidatura de Joice no PSL

Mas desta vez, Eduardo conseguiu embolar mais polêmica na mesma afirmação. Ele colocou a maioridade penal na salada. Confira:

Deve ser doído perceber que uma menina de 16 anos tem mais razão do que o governo de dezenas de países, especialmente o do Brasil.

Aceita que dói menos, Eduardo. Ou melhor, como diplomata, você é um excelente fritador de hambúrguer.