Reinaldo Azevedo: Guerra entre Bolsonaro e Moro derrubou secretário da Receita

Compartilhe agora!

O jornalista Reinaldo Azevedo, da Folha e BandNews FM, afirmou nesta quinta (12) que o secretário da Receita, Marcos Cintra, caiu porque estava no fogo cruzado entre o presidente Jair Bolsonaro (PSL) e o ministro da Justiça, Sérgio Moro.

Segundo Azevedo, que é antipetista, Moro disputa com Bolsonaro parte do aparelho estatal com vista à eleição presidencial de 2.022.

LEIA TAMBÉM
Mourão ficará na Presidência por mais quatro dias

‘Véio da Havan’ foi esculhambado na final da Copa do Brasil

Intercept desvenda esquema de grampos na Lava Jato

Para o colunista de BandNews e Folha, o presidente da República tenta recuperar para o Estado órgãos de governo como a Receita Federal que virou “ilha” da força-tarefa Lava Jato.

Na avaliação de Reinaldo Azevedo, os recentes vazamentos do Coaf (Conselho de Controle de Atividades Financeiras) não podem ser entendidos como vazamentos da Receita, mas sim de uma facção que sequestrou parte do aparato estatal com o fim de disputar o poder político.

O leitor do Blog do Esmael soube ontem (11) mesmo que a recriação da CPMF era apenas o pretexto para a demissão de Cintra.

Compartilhe agora!