Brasil possui uma das menores taxas de pessoas com ensino superior no mundo, aponta estudo da OCDE

Compartilhe agora!


O Brasil tem uma das cinco menores taxas de pessoas com ensino superior entre 45 países analisados em um estudo divulgado nesta terça-feira (10) pela Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE).

De acordo com o relatório “Education at a Glance”, apenas 21% dos brasileiros de 25 a 34 anos têm diploma de ensino superior. O percentual é bem inferior à média dos países que compõem a OCDE: 44%.

LEIA TAMBÉM:
Em decomposição, Lava Jato prende filho do ex-ministro Lobão

Datafolha: 67% dos brasileiros rejeitam privatizações de estatais

Mentiras de Moro reveladas pela #VazaJato são lançadas em livro nesta terça-feira

Outros países compõem a lista das nações com menor índice de acesso: China, com 18%; Indonésia com 16%; e Índia com 14%. Na lanterna está a África do Sul, onde apenas 6% da população dessa faixa etária têm ensino superior.

O estudo ainda mostra que Brasil tem a pior taxa entre os países da América Latina, ficando atrás de México (23%), Costa Rica (28%), Colômbia (29%), Chile (34%) e Argentina (40%).

Segundo o relatório, o país com maior índice de pessoas com ensino superior é a Coreia do Sul, onde 70% da população de 25 a 34 anos chegou à etapa. Em seguida aparece a Rússia, com 63%, e o Canadá, com 62%.

Com informações de O Globo.

Compartilhe agora!