PSL de Bolsonaro na oposição ao governo de João Doria

Compartilhe agora!

Terminou a lua de mel entre o presidente Jair Bolsonaro (PSL) e o governador paulista João Doria (PSDB). É o fim do “BolsoDoria”. A bancada do PSL na Assembleia Legislativa, a maior da Casa com 15 deputados, ameaça desembarcar da nau de apoio ao governo tucano.

A afirmação do governador João Doria (PSDB) de que não tem alinhamento com Bolsonaro já provoca reação. A bancada do PSL na Asembleia, a maior da Casa com 15 deputados, quer se declarar oposição ao Palácio dos Bandeirantes, ainda que endosse propostas de enxugamento do estado.

Há também um motivo mais pragmático, segundo o líder do partido, Gil Diniz: desbancar o PT como oposição oficial na Casa e abocanhar a liderança da minoria, que tem dez cargos.

*Leia mais no Painel Folha.

Compartilhe agora!