Moro deveria ser demitido por incompetência, diz Reinaldo Azevedo

Compartilhe agora!

O jornalista Reinaldo Azevedo, colunista da Folha e da BandNews FM, defendeu nesta sexta-feira (16) a demissão do ministro da Justiça, Sérgio Moro, a bem do serviço público, devido a sua incompetência na gestão da pasta.

De acordo com Azevedo, o ministro conseguiu executar em oito meses apenas 6% do orçamento da Justiça previsto para este ano. “Incompetência, o presidente Jair Bolsonaro deveria demiti-lo por incompetência”, defendeu o jornalista.

LEIA TAMBÉM
Gilmar é escolhido relator de ação contra votação de abuso de autoridade

‘Escolha de Marielle como patrona de curso de diplomata é repúdio a seu covarde assassinato’, diz embaixadora

Defenestrado do PSL, Frota ‘tucanou’ nos braços de Doria

Para Reinaldo Azevedo, a não execução do orçamento quer dizer que Moro não tem o diagnóstico preciso da segurança pública no País.

O jornalista, que faz parte do consórcio da #VazaJato, isto é, do time de repórteres que divulgam os arquivos obtidos pelo site The Intercept Brasil, arriscou um palpite sobre o futuro político de Sérgio Moro. ‘Difícil assumir a segurança pública de São Paulo. Deus me livre guarde!’, reagiu.

Compartilhe agora!