Globo enfrenta furdunço de jornalistas devido apoio a Sérgio Moro

Compartilhe agora!

Os jornalistas do Grupo Globo estão bastante desconfortáveis pelo apoio “cego” da casa ao ministro Sérgio Moro.

O ex-juiz da Lava Jato é alvo de reportagens do site The Intercept Brasil, fundado pelo jornalista norte-americano Glenn Greenwald. Mas não é isso que incomoda os globais.

Os profissionais da Globo não concordam com a criminalização de Glenn e dizem que os ataques de Moro e do presidente Jair Bolsonaro, ameaçando-o de deportação e de prisão, são ameaças para todos os jornalistas e para toda a imprensa brasileira.

LEIA TAMBÉM
OAB informa à PF que Felipe Santa Cruz tem recebido ameaças

Paraná Pesquisas: Ratinho Junior palmilha as mesmas pegadas de Beto Richa

Raquel Dodge torce nariz para o STF e passa a mão na cabeça de Deltan Dallagnol

Deltan quis passar a mão na bunda dos ministros do STF

Nesta semana, a Globo já enfrentou um furdunço com a demissão do jornalista Dony De Nuccio. Ele apresentava o vespertino “Jornal Hoje” desde 2017.

A causa do desligamento de De Nuccio foi a descoberta de contratos paralelos que o rapaz matinha com bancos privados, anunciantes da emissora.

Mas uma confusão dentro da própria casa é tudo que Globo não deseja. A concorrência se delicia com a crise política e moral dos Marinho.

Compartilhe agora!