Bolsonaro ‘passa o rodo’ na Ancine: Demite presidente e diretores

Publicado em 30 agosto, 2019
Compartilhe agora!


O presidente Jair Bolsonaro (PSL) demitiu o presidente da Angência Nacional do Cinema (Ancine), Christian de Castro Oliveira, e outros quatro assessores da agência. A decisão foi publicada em edição extra do Diário Oficial da União (DOU) nesta sexta-feira (30)

Christian de Castro Oliveira teria mandato até 2021 à frente da agência estatal de fomento ao cinema nacional.

Bolsonaro também afastou os servidores: Juliano Cesar Alves Vianna, do gabinete do presidente; o superintendente de Registro, Magno de Aguiar Maranhão Junior; o secretário de Políticas de Financiamento, Ricardo Cesar Pecorari; e Marcos Tavolari.

LEIA TAMBÉM:

Jornalistas do Intercept desmentem e desafiam Deltan Dallagnol

Reprovação de Bolsonaro dispara de 26% para 40%, diz Vox Populi

Desemprego atinge 12,6 milhões e renda cai; desalento e bico disparam

O governo de Bolsonaro mantém uma guerra política aberta contra o setor cultural, incluindo os servidores dos órgãos ligados à cultura.

Compartilhe agora!