PSOL, PCdoB e Novo são os partidos mais fiéis da Câmara

Compartilhe agora

O portal G1, da Globo, afirma que os partidos Novo, PCdoB e PSOL têm as menores taxas de infidelidade – ou seja, os deputados registram maior disciplina às orientações.

Segundo o levantamento do site, os parlamentares mais infiéis são do PROS, do PODE e do PSB porque foram os que menos seguiram as orientações das lideranças ou dos blocos partidários em votações nominais da Câmara.

LEIA TAMBÉM
Lava Jato tenta sair das cordas com nova operação

Dilma define Bolsonaro: “governo neoliberal e neofascista”

Mais cortes na Educação e na Cidadania

Moro entra na marca do pênalti com unidade entre Congresso e Intercept

Ainda de acordo com os dados divulgados hoje (31), PSOL, PT e PCdoB foram os partidos que tiveram posicionamentos mais divergentes em relação às orientações do Palácio do Planalto.

Resumo da ópera: se Deus é fiel e corintiano, também pode ser comunista.