Manifestação dos professores já é maior que a pró-Moro

Compartilhe agora!

A manifestação dos professores e servidores públicos estaduais que ocorre na manhã desta segunda (1°) na praça Santos Andrade no Centro de Curitiba já é maior que a realizada pela extrema direita em apoio ao ex-juiz Sérgio Moro ontem (30).

Os servidores de diversos setores do governo do estado estão em grave por tempo indeterminado desde a terça-feira da semana passada.

Acompanhe ao vivo a manifestação:

Os trabalhadores(as) vão ocupar as principais vias do centro de Curitiba em um grande ato unificado.

A concentração teve início às 9h na Praça Santos Andrade. De lá, os(as) funcionários(as) seguirão em caminhada até o Palácio Iguaçu. Os(as) servidores(as) aguardam uma mudança na postura autoritária do governador Ratinho Junior (PSD) e a abertura de uma mesa de negociação.

LEIA TAMBÉM
A Lava Jato quebrou as construtoras e elevou o desemprego no País

Professores(as), funcionários(as), policiais e profissionais de outras categorias estão com os rendimentos congelados desde 2016. A reivindicação é de 4,94%, referente a inflação dos últimos 12 meses, mais a negociação dos atrasados. A defasagem acumulada passa de 17%.

O próximo passo do movimento será montar um acampamento na praça N. Senhora de Salete, em frente o palácio iguaçu para pressionar o ex-governador Ratinho Junior.

Já os  bolsonaristas lavajatistas dever ir minguando até desaparecer.

Com informações da APP sindicato.

Compartilhe agora!