Jair Bolsonaro diz que vai buscar “extinção da Ancine”

Compartilhe agora


Em protestos contra cortes na educação, manifestantes pedem a saída de Bolsonaro
O presidente Jair Bolsonaro (PSL) disse que vai buscar a extinção da Agência Nacional de Cinema (Ancine). Desde a semana passada, o mandatário faz críticas ao órgão e transferiu sua sede do Rio de Janeiro para Brasília. A declaração foi feita em transmissão ao vivo pelo Facebook nesta quinta-feira (25).

O presidente já havia considerado a possibilidade de extinguir o órgão se não puder por filtro nas produções. Ele vem criticando reiteradamente a produção de Bruna Surfistinha, filme que conta a história da ex-prostituta Raquel Pacheco.

O setor cultural tem sido um alvo constante de ataques do governo bolsonarista.